Skip to main content
All Posts By

O3

Análise do consumo pós-pandemia e como sobreviver a ele

Começa a haver indícios da retomada da economia, mas há importantes pontos de atenção para as empresas de serviços e varejo.

A pandemia do coronavírus perdura trazendo suas consequências, no bolso e na mente do brasileiro, ditando uma nova realidade pautada pelo isolamento e pela incerteza, e criando um novo perfil de consumidor: mais ansioso, mais imediatista e que busca priorizar a satisfação pessoal.
Apesar da crise que se instalou na economia, a vacinação vem trazer alento e um voto de esperança para a retomada da economia. De qualquer maneira, suas circunstâncias acabaram refletindo muito no comportamento das pessoas, com tendências que vêm desenhando um cenário do consumo no pós-pandemia.
Abaixo, relacionamos algumas dessas tendências que observamos como promissoras e importantes pontos de atenção para as empresas de serviços e varejo

1 – Geração Hiperconectada

Com todas as mudanças impostas na rotina, acelerando a digitalização generalizada, agora passamos para uma geração de consumidores hiperconectados. Isso significa que as pessoas agora priorizam o digital como meio para consumir, se relacionar e se divertir.

Outro ponto curioso são os 60+, faixa etária que foi destaque no aumento em compras online, cerca de 71% deles fizeram compras via smartphone em 2020, segundo pesquisa da Sociedade Brasileira de Varejo e Consumo (SBVC). Ainda de acordo com a pesquisa, 88% dessa faixa etária são os responsáveis pelo controle das finanças de suas famílias e são os decisores de compra. Ou seja, é preciso estar atento a este público que é novo para o online e focar em estratégias que abracem – ou até priorizem – este público poderoso.

2 – Priorização da saúde mental e satisfação pessoal

6 em cada 10 jovens relataram ter sentido ansiedade e feito uso exagerado de redes sociais durante a pandemia. Agora, eles dizem buscar priorizar a saúde mental e satisfação pessoal. Para o setor de consumo, isso se traduz numa maior busca por produtos e serviços focados no bem-estar, saúde e lazer.
No turismo, já se fala que viagens de negócios irão representar uma parte menor das vendas para companhias aéreas e que as viagens a lazer deverão ser o foco. O mesmo se aplica para os hábitos de consumo que já estão começando a ser mais pautados num estilo de vida mais saudável e sustentável

 

3 – Responsabilidade Social e sustentabilidade pautando o consumo

Outro ponto a destacar é o olhar mais responsável que as pessoas passaram a ter sobre suas compras. Inúmeras pesquisas mostram que os consumidores atuais preferem empresas que possuem políticas de responsabilidade social, que apoiem ONGs e se preocupem com a sustentabilidade desde o processo de produção, prezando pela conduta das organizações na pandemia e em prol da sociedade no geral.

Um estudo do Capgemini Research Institute apontou que 79% dos consumidores dizem estar mudando as suas preferências de compra com base nesses critérios de responsabilidade social, inclusão e impacto ambiental das marcas. Assim, além dos consumidores, a pandemia também despertou nas próprias empresas essa consciência de entregar valores, entender seu papel na sociedade, reforçando o papel das empresas de atores sociais importantes.

4 – Consumo sem Rótulos

Motivados a comprar produtos da forma que bem entenderem, de acordo com os próprios gostos, sem distinções por sexo por exemplo.

5 – Consumo inteligente visando mais benefícios e descontos

Consumidor mais atento, pesquisando mais e priorizando locais que ofereçam vantagens, descontos e benefícios.
Empreendedores e empresários devem estar atentos aos programas de fidelidade, que oferecem esse tipo de atratividade para o seu negócio, auxiliando também na captação de novos clientes e no aumento sustentável das vendas. Essas ferramentas fornecem dados valiosos para o crescimento do negócio e para o planejamento estratégico da empresa.

6 – E-commerce Cross Border
5% dos brasileiros estão comprando mais em sites e aplicativos estrangeiros, principalmente da China. Por isso é importante estar de olho nesta concorrência que vem ganhando cada vez mais espaço. Segundo a pesquisa feita em parceria com a OpinionBox, o tíquete médio das compras dos brasileiros em sites ou aplicativos estrangeiros foi de R$482,00, representando 7% a mais do que o valor registrado no e-commerce brasileiro. Apostar em ofertas especiais e isenção de frete para consumidores fidelizados, por exemplo, podem ser boas alternativas para não perder espaço e incentivar a recorrência de compra.

 

Agora me conta, quais principais insights esta leitura trouxe a você e seus negócios? Como podemos repensar e implementar novas estratégias que estejam alinhadas às novas necessidades do consumidor?

 

Fonte e adaptação: https://www.meioemensagem.com.br/home/opiniao/2021/07/26/cenario-do-consumo-pos-pandemia-e-como-sobreviver-a-ele.html

Primeiro, energia cerebral. Depois, a elétrica.

A gente sabe que você tem um sobrinho que faz a sua arte mais rápido ou o seu logo mais barato. E que também existe por aí uns anúncios que te prometem criar um site grátis, do zero, e sem conhecimento. Ou ainda, que fazer uma postagem não tem muito segredo.

Tudo bem, a gente entende. O uso de energia elétrica – através dos computadores – é fundamental. Mas aqui, na agência O3, a energia cerebral é o que mais se consome.
O que isso quer dizer? Que a gente pensa muito antes de partir para a execução. A inteligência é e sempre será a nossa nossa maior ferramenta. Por exemplo: para a criação de uma marca nova, é preciso levar em consideração diversos fatores que poderão contribuir para o sucesso ou fracasso do seu negócio. Assim, torna-se necessário e vital para o desenvolvimento de um logo pertinente e inteligente o estudo aprofundado do seu produto, serviço e filosofia, criação de painel semântico, levantamento de referências, análise de concorrentes, compreensão do público alvo, elaboração de símbolo, escolha de tipografia, colorização e aplicações. E isso é só um exemplo bem resumido. Se quiser entender mais dos métodos de inteligência que a agência adotou, há um artigo específico para isso, aqui.

Para cada entrega ou serviço que a agência oferece, existe um processo específico, mais completo ou mais enxuto. Entretanto, a utilização do pensamento criativo, inteligente e assertivo está presente sempre. Vai fazer um site conosco? Vamos rabiscá-lo, pensá-lo e testá-lo das mais diversas maneiras possíveis, até chegarmos na melhor versão possível. Uma embalagem? Um estudo de comportamento de consumo, traços de personalidade de público alvo, estratégias para ponto de venda e uma infinidade de etapas virão para deixar o seu produto em destaque. E assim também o é para uma campanha publicitária, uma postagem de redes sociais, criação de identidade visual, materiais corporativos e etcetera. 

De modo que, no final das contas, a energia elétrica trará somente a ponta do nosso iceberg, o visível, o tangível. Mas, fique atento, pois iceberg sem base é só gelo e afunda. E, se um dia um problema grande o bastante como o Titanic se confrontar com a sua empresa, quem sofrerá os danos será ele.
Por isso, tudo tem de ser muito bem pensado.

Ficou interessado e quer saber mais? Fale conosco através do telefone do Matheus, que é 19 99377.2497. Se quiser espiar um pouquinho do que já fizemos, acesse o nosso site, através do nosso portfólio.

O3 Propaganda. Uma agência de inteligência.

Procurando uma agência barata? Prefira uma boa.

Encontrar uma agência barata pode ser relativo, pois depende de inúmeros fatores. O primeiro, e mais importante deles, é qual tipo de retorno que você e sua empresa esperam. Lembre-se: retorno, nem sempre, significa venda. Existem muitos objetivos que podem nortear um planejamento de comunicação ou uma campanha publicitária. Pois, como já dizia Júlio Ribeiro, publicitário e fundador de uma das maiores agência do Brasil, “se quiser vender mais, abaixe o seu preço e você não precisará de uma agência de propaganda”. Por isso, é muito importante que cliente e agência possam definir, juntos, o objetivo a ser alcançado. Dessa forma, o trabalho se torna mensurável e é bem provável que os investimentos destinados a agência possam se tornar pequenos se comparados ao resultado.

Por exemplo: uma campanha pode ter como propósito a melhora da percepção da marca diante dos consumidores. Sem sombra de dúvidas, o resultado desta campanha não poderá ser mensurado em aumento nas vendas do produto ou serviço – muito embora esse acontecimento se fará de forma indireta. Com um trabalho bem sucedido, seu negócio terá clientes mais fiéis e satisfeitos e a sua imagem será melhor, criando-se, por aqui, um aumento no valor da sua marca.

É possível, ainda, enumerar diversos outros objetivos que poderão servir como parâmetro para o sucesso de um trabalho publicitário. Diferenciação diante da concorrência, disseminação institucional dos valores da empresa, criação de desejos e demandas, varejo e vendas, dentre muitas outras.

Ainda assim, tem como objetivo vender mais? Que seja, desde que os esforços destinados para que o propósito seja alcançado sejam pertinentes ao objetivo traçado. Neste artigo, dissertamos sobre a inteligência na definição das estratégias para que sua verba seja otimizada e sua empresa possa obter retorno com comunicação e marketing.

Para tanto, é necessário adentrarmos no segundo e importante ponto de nossa questão fundamental: encontrar um parceiro que possa lhe auxiliar no levantamento, na assessoria e na execução de um planejamento estratégico de marketing e negócios que esteja alinhado aos objetivos e filosofia da sua empresa. 

Assim, e só assim, seus recursos serão aproveitados com eficácia máxima, trazendo, ao seu negócio, retorno financeiro e institucional. Então, voltamos: está em busca de uma agência de comunicação e marketing que seja barata? Se você encontrar uma boa, nós temos a certeza de que não importa o tamanho do seu investimento, pois sempre será menor do que o seu retorno. E isto é inteligência de mercado.

Ficou interessado e quer saber mais? Fale conosco através do telefone do Matheus, que é 19 99377.2497. Se quiser espiar um pouquinho do que já fizemos, acesse o nosso portfólio.

O3 Propaganda. Uma agência de inteligência.

Uma agência de inteligência

Passou-se o tempo em que agência de propaganda limitava-se a entregar apenas criação. Hoje em dia, é preciso entregar criatividade. Explico: criação é aquela peça final que você vê por aí em rede social, revista ou jornal. Criatividade, por outro lado, é usar a inteligência para encontrar soluções pertinentes. Isto é; ser criativo, hoje em dia, é ser eficaz.

Por exemplo: muitas vezes, é possível que a resposta para solucionar um problema seja apenas levar informação ao público de interesse. Ou seja, comunicar – através de uma simples peça de criação. Entretanto, para que a criação se torne competente, é necessário que, em todas as etapas do processo, a inteligência se faça presente. E é aqui que nós temos um ponto importantíssimo, pois você sabe quais são essas respeitáveis etapas? Se não, vamos lá.

Para começar, e antes de mais nada, sempre que a hipotética demanda citada acima vier à tona, nosso departamento de atendimento, sempre capacitado em marketing e negócios, irá lhe auxiliar a elaborar com precisão qual é o problema a ser resolvido. Aqui, é possível notar, logo de cara, o envolvimento estratégico e inteligente que o nosso serviço oferece. Em seguida, a tarefa é disparada para o nosso departamento de planejamento, onde especialistas em estratégia, marketing e comunicação orientarão quais os caminhos deverão ser seguidos para que o problema seja resolvido da forma mais eficaz, saudável e rentável possível. Ainda concomitantemente, a agência desenvolve o direcionamento ou planejamento de mídia, cujo objetivo é encontrar os melhores meios para que a peça possa chegar ao destino final – o público alvo – levando-se sempre em consideração a verba destinada para investimento em mídia.

Ufa, chegamos finalmente na criação. E é neste momento que o seu problema será resolvido através da utilização de palavras corretas – conhecida como redação criativa – aplicação de cores pertinentes para o público a ser atingido, visual atraente e, por fim, efetividade. Mas, lembre-se! Tudo isso só é possível por conta dos estudos e direcionamentos explicados no parágrafo anterior.

Perceba: a inteligência está presente em todos os processos! É só assim que a sua mensagem se conectará com o seu público; ou seja, é dessa maneira que a sua marca se tornará relevante.

E ah! É possível que, logo lá no comecinho, ao reunir-se com os nossos departamentos de atendimento e planejamento, você descubra que a melhor saída nem sempre é anunciar. Muitas vezes, é necessário que o trabalho comece aí dentro, arrumando a sua casa. E, neste caso, estaremos também ao seu lado, com nosso novíssimo serviço de diagnóstico empresarial.

Ficou interessado e quer saber mais? Fale conosco através do telefone do Matheus, que é 19 99377.2497. Se quiser espiar um pouquinho do que já fizemos, acesse o nosso portfólio.

O3 Propaganda. Uma agência de inteligência.

Confraternização e 3 anos de agência

Sim, nós sopramos mais umas velinhas. Nosso terceiro ano de Agência O3 merecia ser festejado.
Para compartilhar desta alegria, convidamos os principais responsáveis pelo sucesso – nossos clientes e stakeholders – para uma noite harmoniosa, com música boa, comida gostosa e bebida gelada.

A farra foi tão boa, que até subimos no palco para nos sentir astros do rock. Um dia muito feliz, para comemorar mais um ano de agência. Obrigado a todos que de alguma forma, colaboram com essa jornada. 
Vamos ao que interessa, às fotos.

 

O3 Leva mais 7 Prêmios no FestDigital

Agência O3 foi premiada com 7 troféus no FestDigital 2019, o maior festival de propaganda digital do interior do Brasil.

Foram 2 OUROS, 1 prata e 4 bronzes nas mais diversas categorias.

Agora, totalizam-se 10 prêmios, em 3 anos de vida. Se era isso que faltava para ser 10, aí está.

De todas as 3.000 inscrições que aconteceram no festival, com participações de agências do Brasil todo, a O3 Propaganda foi destaque como agência que mais recebeu premiações na edição de 2019.

Aos clientes, parceiros, colaboradores, amigos e familiares, fica aqui o nosso agradecimento.

Lá, descobrimos que PENSAR GRANDE, no final das contas, dá nisso.

Visitamos o Google

Faz parte da nossa filosofia buscar inspiração.

Queremos aprender com os melhores.

Queremos fazer a diferença, fazer diferente.

Um ditado que utilizamos diariamente:

Pensar global, agir local.

Para tal, visitamos um dos locais mais inovadores do mundo.

O Google.

Como se não bastasse,

fomos também na agência mais criativa do mundo (Almap BBDO)

e em uma das mais tradicionais (Agência África).

Para fechar o dia, fizemos um curso de estratégia criativa

com os líderes de mercado no segmento.

Voltamos ainda mais preparados.

Vamos aplicar na sua empresa?

O3 Propaganda, uma agência para quem pensa grande, de verdade.

 


Nova Sede e 2 Anos de Agência

Para comemorar nossa nova sede e 2 anos de agência, fizemos um coquetel de confraternização.
Ao lado de clientes e pessoas queridas, tivemos a hora de receber a Cida Cilli que nos proporcionou esta entrevista e o registro.

Confiram o vídeo a seguir.

 

Kaká e Barrichelo em campanha da FIAT

Na primeira semana de março, nossos sócios Matheus e Vinicius foram convidados pela FIAT e pela agência Sunset de São Paulo, para testarem o maior lançamento da FIAT em 2018: O sedan Cronos.

Em um dia de pilotos, Vinicius e Matheus tiveram uma aula de mestre, com um dos maiores pilotos brasileiros, Rubens Barrichelo.

Uma aula particular no autódromo Vellocitá.

Descobrimos que os dois, como pilotos, são ótimos publicitários.

Confira abaixo o vídeo, e também a participação com o jogador Kaká.

marketing